O que é cringe no atendimento ao cliente?

5 minutos para ler

Quem acompanha as novidades da internet e das redes sociais já se deparou com uma expressão que virou febre entre aqueles que gostam de criar ou identificar tendências — estamos falando do termo “cringe”.

Entre as gerações Z e millennials está o cringe, que estabelece um comparativo sobre o comportamento das pessoas nascidas em cada geração. Mas o que isso tem a ver com o atendimento ao cliente?

Neste post, vamos entender o que significa cringe e como esse novo conceito influencia na forma de comunicação e interação com os clientes. Continue lendo e veja o que pode ser considerado cringe e o que você deve mudar para adequar sua empresa!

O que é cringe?

Essa é a nova expressão usada na internet para classificar tudo o que é ultrapassado, cafona, fora de moda ou arcaico. O cringe faz um contraponto entre as gerações Z e millennials sobre os hábitos de vida e consumo.

O termo funciona como um gatilho para criação de conflitos, em que é mostrado como as pessoas se comportam em diversos aspectos e cenários — desde a moda, o uso de redes sociais e a maneira de falar e se relacionar na atualidade.

Assim, elas podem ser incluídas ou não em um contexto de vergonha alheia, constrangimento e “mico”. É dessa forma que a geração Z, dos nascidos entre 1996 e 2010, encontra uma maneira de definir as atitudes “vergonhosas” dos millennials, que nasceram entre 1981 e 1995.

Quais são as situações consideradas cringe no atendimento ao cliente?

Apesar do tom de brincadeira na internet, é possível utilizar o cringe nas empresas para detectar condições e comportamentos empresariais que estão ultrapassados, atrasados ou fora de moda.

No atendimento ao cliente, por exemplo, é possível listar situações que são consideradas cringe e que uma plataforma multicanal pode ajudar a resolver, oferecendo modernidade e automatização.

Veja algumas condições que podem ser enquadradas como cringe no setor de atendimento!

Tempo de espera

Em plena era tecnológica e digital, não dá para imaginar a geração Z amargando a fila de espera em um atendimento telefônico. É muito cringe não pensar em meios de comunicação para atender um público completamente antenado, dinâmico e exigente.

Um só canal para atendimento

Imagine que tanto a geração millennials quanto a geração Z são formadas por pessoas que já nasceram no ambiente online, em uma época de smartphones, redes sociais e plataformas. Por isso, o cringe está em não diversificar os canais para ampliar o alcance e oferecer uma experiência diferenciada.  

Não ter um atendimento personalizado

Nada mais cringe do que não saber quem é o cliente e do que ele gosta. A empresa que não se adéqua ao público, na tentativa de se antecipar às suas necessidades, está ultrapassada e fora de uma realidade em que quem sai em vantagem é aquele que está sempre um passo à frente.

Não dar suporte 24 horas

As gerações atuais são compostas de pessoas que estão em busca de oportunidades e não perdem a chance de facilitar a vida. Contar com um suporte em tempo integral, por exemplo, é uma decisão moderna, considerando que as novas gerações têm um ritmo acelerado, não se importando se é dia ou noite para resolver seus problemas.

Não estar presente em todas as plataformas

Embora a central telefônica seja indispensável em qualquer tipo de negócio, sobretudo para atender à população idosa e pouco familiarizada com as soluções digitais, se você não deseja ver sua empresa definida como cringe, esteja presente nas principais plataformas e meios de comunicação.

O cringe reforça a ideia de modernidade, atualização e inovação, sobretudo, porque muitos empreendedores jovens estão dentro dessas gerações. Portanto, para atingir o seu público por afinidade é preciso oferecer um serviço que não seja ultrapassado.

Se você atua em um ramo em que o atendimento ao cliente é um dos principais diferenciais do seu negócio, precisa considerar o uso de uma plataforma multicanal. O Escallo, por exemplo, que não é cringe, está mega atualizado para atender a todas as gerações.

Nosso sistema consegue abranger os públicos diversos – do idoso ao jovem —, diversificando os canais de atendimento, com uma estrutura omnichannel, para que o cliente escolha aquele de preferência e afinidade, conforme o nível de tecnologia.

Assim, nos mantemos modernos e proporcionamos uma experiência agradável, acompanhando o ritmo e o comportamento das gerações digitais, ágeis e exigentes — ninguém vai poder chamar sua empresa de cringe.

Gostou do post? Que tal aproveitar que estamos falando sobre inovação e automatização para saber como o atendimento multicanal pode beneficiar todos os tipos de público?

Mais conteúdo você encontra em mídias digitais: FacebookInstagramLinkedInYouTube e WhatsApp Mantemos nossas redes sempre atualizadas com o melhor das informações sobre a área de atendimento!

Você também pode gostar

Deixe um comentário