LGPD 5 ANOS: veja os pontos que ainda geram dúvidas

Sumário

A Lei Geral de Proteção de Dados foi aprovada em 2018 e passou a valer em setembro de 2020. Com isso, a LGPD completa cinco anos em 2023 com o mesmo rigor sobre o uso e tratamento de dados sensíveis.

Vale lembrar que a lei não se trata de uma criação genuinamente brasileira, mas uma inspiração na Lei de Proteção de Dados da União Europeia (GDPR). Entre regras, deveres e direitos, as empresas precisam seguir os protocolos estabelecidos, garantindo a segurança da informação.

Neste post, você confere um panorama da LGPD e seu impacto dentro do atendimento ao cliente. Continue lendo e veja os pontos de atenção dessa lei que chega aos cinco anos podendo ainda gerar dúvidas!

Quais são os impactos da LGPD no atendimento ao cliente?

O atendimento é um dos setores mais vulneráveis de qualquer empresa, pois dele resulta a fidelização de clientes. Mesmo com produtos ou serviços de custo-benefício incrível, há um risco de perda de clientes por mau atendimento.

A chegada da LGPD e suas normas sobre o modo de lidar com os dados pessoais de clientes exigiram ainda mais cuidado com o atendimento, sendo que para o processo de inclusão, alteração, utilização e armazenamento de qualquer dado previsto na lei é preciso seguir as regras.

Sob pena de multa que pode chegar a até 2% do faturamento ou o limite de R$50.000, enquadrar-se é o melhor caminho. O descumprimento não só afeta o bolso, como a imagem e a credibilidade da empresa perante mercado e clientes.

É o caso da multa bilionária recebida pela Meta Platforms, subsidiária do Facebook, penalizada por expor dados de mais de 500 bilhões de usuários. Apesar de uma situação ocorrida na Europa, nenhuma empresa brasileira está isenta de ser responsabilizada pelo vazamento de qualquer dado.

A violação da lei coloca qualquer empresa em cheque quanto às condições de atender os clientes e garantir a segurança de sigilo das informações pessoais. Cada vez mais consolidada, a lei continuará valendo em 2023 e, se você ainda não estruturou sua área de atendimento, esse é o momento.

O que ainda pode gerar dúvidas na LGPD depois de cinco anos?

A LGPD é válida para empresas que realizam atendimento ao cliente e precisam coletar dados pessoais, não importa o segmento. A violação das políticas de privacidade defendidas pela lei é uma falta grave nos protocolos de segurança.

Desde que entrou em vigor, diversas empresas, como Leroy Merlin, Centauro e Privália, foram notificadas por descumprirem a LGPD. O mesmo aconteceu com uma filial da Cacau Show por divulgar o celular pessoal de uma funcionária como contato da loja.

Esses são apenas alguns exemplos que mostram que a fiscalização existe e está de olho nas empresas de pequeno, médio e grande porte. Baseada nos princípios da transparência e da confiabilidade, apesar de amplamente divulgada, a LGPD ainda gera dúvidas, sobretudo, para quem não está plenamente adaptado.

Selecionamos alguns aspectos que podem trazer esclarecimentos e ajudar nas ações para evitar contratempos, autuações e até multas desnecessárias!

Lista de contatos anteriormente coletada

Se sua empresa tem uma lista de contatos com dados pessoais de clientes — nome, telefone, endereço, CPF, RG, e-mail — terá de fazer adequações. A lei exige que todos os dados armazenados na empresa devem estar em conformidade e zelar pela segurança e privacidade.

De acordo com a LGPD, a coleta e uso de dados se vale de pilares importantes como finalidade, necessidade e transparência. Logo, a legitimidade do armazenamento deve existir, independentemente se a lista é de antes ou depois de a lei entrar em vigor.

É preciso rever todos os processos de atendimento, verificar a necessidade de manter os dados e viabilizar sua legalidade. A privacidade e a segurança são elementos fundamentais nessa reestruturação, uma vez que os clientes devem estar cientes e autorizar o armazenamento.

Empresas pequenas devem se adequar à LGPD

Reforçamos que não importa se você tem uma pequena empresa ou uma rede com várias unidades, é preciso se ajustar à LGPD. A lei é aplicável a toda e qualquer operação que demande o uso e tratamento de dados de pessoas físicas.

No entanto, em janeiro de 2022, a Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD) regulamentou a aplicação da LGPD para empresas de pequeno porte. O intuito é facilitar a adaptação e adequação sem, contudo, deixar de cumprir as regras previstas na lei.

A tecnologia é uma grande aliada

Embora não seja uma obrigatoriedade o uso e tratamento automatizado dos dados, uma solução tecnológica facilita a adequação. Sem contar a segurança que permite a rastreabilidade dos registros e identificação de erros em tempo hábil.

Muitos gestores e empreendedores têm dúvidas sobre implementar ou não um sistema de atendimento ao cliente. Para responder a essa pergunta, é importante analisar o que é mais viável ao negócio — investir em uma ferramenta especializada ou correr o risco de ser penalizado.

O Escallo, por exemplo, plataforma multicanal de gestão e atendimento, é uma ferramenta completa e grande aliada das empresas. Suas funcionalidades possibilitam a coleta, uso, tratamento e armazenamento de dados dentro das regras da LGPD, garantindo a transparência necessária.

Além disso, todos os acessos são rastreáveis e o gestor consegue acompanhar os atendimentos pelo Gestão à Vista, tela interativa e dinâmica. É imprescindível não só garantir a proteção de dados dos clientes, mas tornar o trabalho da equipe de call center mais fácil e seguro.

Em 2023, a LGPD faz cinco anos e positivamente obriga as empresas a modernizarem os seus processos, buscando o caminho digital de atendimento. Para sair à frente e ter vantagem competitiva é preciso oferecer uma experiência diferenciada aos clientes, e a tecnologia pode ajudar nesse sentido.

Se você gostou deste post, aproveite para ler mais um artigo, dessa vez sobre a nova lei de SAC e os aspectos de mudança que vão de encontro às regras previstas na LGPD!

Siga nossas redes sociais: FacebookInstagramLinkedInYouTube e WhatsApp!

Plataforma Escallo
Veja também:
Blog Futurotec | Conteúdos criativos e exclusivos Saiba tudo sobre governança, tecnologia, criatividade e outros assuntos do meio corporativo no nosso Blog.
Você também pode gostar

Sumário

Compartilhe

Não perca nenhuma novidade! Assine nossa newsletter.
Não mandaremos spam!
REVOLUCIONE SEU ATENDIMENTO

Sumário

Obrigado 👏🏻 por assinar 🎉 nossa newsletter! 🥳